sábado, 7 de junho de 2008

Jack e o violino


Jack estava só naquele entardecer,
olhando para o fim do céu,
sobre a pedra à beira do mar.
Jack olhava os sóis que se aproximavam,
e os pássaros que voavam
para a terra descansar.

Jack estava só naquele fim do dia,
sem saber que outras pessoas
também estavam sós.
Jack apenas ouvia
o canto do violino que
chorava toda tristeza para o ar.

Jack e o violino juntavam-se
à lua que agora subia.
O violino ainda chorava
Jack apenas ouvia
e os pássaros, agitados
em seu sonho, nas rochas do mar.

Jack também chorava
e agora o violino ouvia
o que ele cantava.
Jack e o violino, com
uma só voz de lamento,
também faziam a lua chorar.

Jack e o violino
viram uma mulher caminhar
sob a luz do luar.
Jack sorriu, e o violino também
e os dois, então
começaram a dançar.


Jack não sabia mais
a tristeza do fim do céu
nem a solidão diante do mar.
Jack e a mulher dançavam
e o violino agora sabia
sobre o que cantar.



--------------------------------------------------------------------------------------------


Bom, eu não disse que estava inspirado???? Devem fazer cerca de 4 anos desde a última poesia que eu escrevi, e essa surgiu do nada agora... =D

2 comentários:

The Paper disse...

Gostei muito ^^ E tem final feliz, olha só! hehehehe!

The Paper disse...

Cadê os novos posts????